Um caso de 2010 com tratamento diferenciado

 

 

 

 

O Globo

Atualizado: 27/10/10 – 0h00

 

RIO – Os agentes federais americanos Alan Doyle Durham, de 43 anos, e Aaron Thomas Jones, de 34, criaram um grande embaraço para as autoridades brasileiras depois de deixaram o país mesmo com seus passaportes oficiais do governo americano retidos. Eles teriam que comparecer, por determinação judicial, a uma audiência marcada para o último dia 6 na 9ª Vara Federal do Rio (…)

Ao invés disso, ignoraram a ordem judicial e voltaram aos Estados Unidos supostamente usando documentos obtidos com a embaixada americana. A fuga foi revelada pelo jornalista Elio Gaspari em sua coluna de quarta-feira no GLOBO.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s